Dívida pública cresce 1,57% em agosto e atinge R$ 5,48 trilhões

0


A dívida pública federal em títulos cresceu 1,57% em agosto e atingiu R$ 5,48 trilhões, segundo informou o Tesouro Nacional nesta segunda-feira (27). A dívida inclui débitos do governo no Brasil e no exterior. Em julho, o montante era de R$ 5,39 trilhões.

A dívida pública é emitida pelo Tesouro Nacional para financiar o déficit orçamentário do governo federal. Ou seja, são empréstimos feitos para pagar despesas públicas que ficam acima da arrecadação com impostos e tributos.

De acordo com relatório publicado pelo Tesouro Nacional, em agosto o mercado externo apresentou otimismo, limitado por preocupações provocadas pela desaceleração no crescimento econômico da China e dos Estados Unidos, bem como pela disseminação da variante delta da Covid mesmo entre populações vacinadas. Nesse sentido, o Tesouro Nacional afirmou que atuou “com cautela”.

A expectativa do Tesouro Nacional é de que a dívida pública continue a crescer nos próximos meses e termine 2021 entre R$ 5,6 trilhões e R$ 5,9 trilhões.

Emissões e resgates

Em agosto, as emissões de títulos públicos chegaram a R$ 72,03 bilhões. Por outro lado, os resgates somaram R$ 26,5 bilhões.

Assim, as emissões superaram os resgates em R$ 45,53 bilhões no mês passado. Já as despesas com juros alcançaram R$ 39,26 bilhões no período.

A pandemia de Covid fez a dívida pública ultrapassar a casa dos R$ 5 trilhões pela primeira vez no fim de 2020.

Fonte: G1



Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here