Na Estrutural, restaurante comunitário já oferece café da manhã – Agência Brasília

0


O pedreiro Juvenal Francisco Alves, de 66 anos, chegou cedo para começar a empreitada do dia. Com tempo sobrando, ele correu para comer alguma coisa antes de iniciar a jornada. Ao ver o portão do Restaurante Comunitário da Estrutural aberto, entrou para perguntar se serviam refeição matinal. E deu sorte.

Unidades de Ceilândia e São Sebastião são as próximas a contar com oferta de desjejum

O serviço estava previsto para começar na quarta-feira (29), mas a gerência da unidade acelerou a adaptação e, nesta terça (28), o refeitório começou a servir também o café da manhã. “Muito bom e muito barato”, comentou Juvenal. “Eu nunca tinha entrado em um restaurante comunitário. Se a comida de manhã é assim, imagina no almoço. Mais tarde, eu volto para o almoço”.

Ao preço de R$ 0,50, o cardápio matinal foi pão com ovos mexidos, achocolatado e laranja. Nos próximos dias, haverá bolo, pão de queijo, café com leite e outros itens. É possível conferir o cardápio em https://www.sedes.df.gov.br/.

Juvenal Francisco Alves: “Se a comida de manhã é assim, imagina no almoço. Mais tarde, eu volto” | Foto: Ádamo Dan/Sedes

Com o início da oferta do serviço, a unidade da Estrutural passa a ser a quinta a contar com o desjejum. Brazlândia, Paranoá, Samambaia e Sol Nascente foram as primeiras. “A partir dessa semana, mais dois restaurantes também passam a vender a refeição”, informa a secretária de Desenvolvimento Social, Mayara Noronha Rocha, ao lembrar que em 1º e 2 de outubro, respectivamente, os refeitórios de São Sebastião e Ceilândia passam a abrir mais cedo para o café da manhã.

Documentário

Os restaurantes comunitários do DF são o pano de fundo do episódio 6 da série documental A rua: do acolhimento à autonomia. Lançado na última quinta-feira (23), o capítulo trata, principalmente, da gratuidade das refeições para a população em situação de rua. A série mostra a realidade de pessoas que, sem esse benefício, teriam dificuldades para se alimentar. O episódio, assim como os demais, está disponível no Instagram da Secretaria de Desenvolvimento Social (Sedes).

Confira, abaixo, os endereços dos restaurantes comunitários.

  • Brazlândia: Quadra 36 – Área Especial nº 1 – Vila São José.
  • Ceilândia: QNM 1 – Bloco 01 – Lote 01 – Ceilândia Centro.
  • Estrutural: Quadra 14 – Área Especial – Vila Estrutural.
  • Gama: Setor Central – Área Especial – Complexo Esportivo do Gama – Estádio Bezerrão.
  • Itapoã: Quadra 61 – Área Especial, entre os conjuntos D/E – Condomínio Del Lago.
  • Paranoá: Quadra 2 – Lote A – Feira Livre – Área Especial.
  • Planaltina: Setor Recreativo e Cultural – Módulo Esportivo – Via WL 1.
  • Recanto das Emas: Quadra 1 – Lote 1 – Centro Urbano.
  • Riacho Fundo II: Quadra 10 – Conjunto 1 – Lote 1.
  • Samambaia: ADE/S – Conjunto 15 – Lotes 1/2, às margens da BR-060.
  • Santa Maria: Av. Alagados, Área Central, junto ao prédio da administração regional.
  • São Sebastião: Centro de Múltiplas Atividades – Lote 2, próximo à administração regional.
  • Sobradinho: AR 13 – Área Especial 8 – Quadra 3 – Setor Administrativo.

* Horário de funcionamento: de segunda-feira a sábado, das 11h às 14h. Pessoas em situação de rua atendidas pelo Serviço de Abordagem Social da Sedes têm acesso gratuito às refeições.

*Com informações da Secretaria de Desenvolvimento Social





Source link