Encontro discute atendimento integral à saúde do idoso na atenção básica

0


O secretário de Estado da Saúde, Beto Preto, participou nesta terça-feira (28) do VI Encontro Científico do Programa Mais Médicos Paraná, com o tema “Atenção Integral à Saúde do Idoso na Atenção Básica”. A reunião virtual foi promovida pela Escola de Saúde Pública do Paraná (ESPP).

“A Atenção Primária à Saúde é a principal ferramenta de mudança organizacional e assistencial, é o cuidado básico. A expectativa de vida aumentou. Preparar os serviços de saúde para as novas demandas que surgem e planejar alternativas de atendimento integral à saúde da população idosa é essencial para o Estado, principalmente neste momento pós-pandêmico, em que a saúde mental precisará ser tratada com prioridade pelas equipes médicas”, enfatizou Beto Preto.

A Linha de Cuidado do Idoso é uma das fortes políticas a serem implementadas pela secretaria estadual da Saúde (Sesa). Mesmo no cenário pós-pandemia, o secretário destacou que uma das orientações do Governo do Paraná é justamente levar o atendimento para todas as regiões, ampliando os serviços e promovendo o atendimento perto da casa das pessoas.

O programa Envelhecer com Saúde tem sido uma das prioridades para perspectiva de um atendimento multisetorial aos idosos. Recentemente, a Sesa anunciou a ampliação do PlanificaSUS, na sua segunda etapa, para todas as localidades do Estado. O projeto-piloto aconteceu em Irati, com a parceria do Hospital Israelita Albert Einstein e do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass).

O Paraná é o único estado da Federação que optou por seguir a linha de cuidado da saúde do idoso nesse projeto e, desde então, tem se destacado no país na promoção das ações.

“Damos mais um passo no aprimoramento da política voltada ao idoso, porque é justamente na atenção primária que abrimos a porta para o atendimento. E com o fortalecimento do Mais Médicos tenho certeza que poderemos ampliar ainda mais a nossa proposta aqui no Estado”, disse a diretora de Atenção e Vigilância da Sesa, Maria Goretti David Lopes.

PROGRAMA – Lançado no Brasil em julho de 2013, e contando com 897 profissionais médicos no Paraná, em 312 municípios, o Programa Mais Médicos permite que o profissional atue em uma equipe de saúde por prazo determinado, cursando uma especialização em áreas da Atenção Básica, Saúde da Família, entre outras, vinculadas diretamente ao Sistema Único de Saúde (SUS).

A reunião contou com a participação de Edgar Nuno de Moraes, consultor do Conass; do diretor da Escola de Saúde Pública do Paraná, Edvar Daniel; da chefe da Divisão de Saúde do Idoso da Sesa, Giseli da Rocha, a médica especialista em Gestão de Serviços para Idosos e técnica da Divisão de Saúde do Idoso da Secretaria, Adriane Miró.





Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here