SEDPcD ressalta a importância de cartilha de direitos no Dia Internacional do Idoso

0


Nesta sexta-feira (1º) é comemorado o Dia Internacional do Idoso. Em celebração à data a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, por meio do Grupo de Trabalho Pessoas com Deficiência Adulta e Idosa, ressalta a cartilha acessível “Envelhecer é para todos: direitos da população com deficiência idosa”.

A cartilha foi executada como parte do projeto “Envelhecimento e Deficiência: direitos e políticas públicas” pela ONG Mais Diferenças com recursos do Fundo Estadual do Idoso de São Paulo (CEI/SEDS) e revisada e avaliada pelo GT da Secretaria, contendo informações sobre marcos regulatórios federais e estaduais, políticas e programas dos direitos dessa população nas áreas de saúde, transporte, moradia, assistência social, educação e cultura. Para conhecer o conteúdo completo, acesse: https://bit.ly/3iidI0k .

“O Artigo 5º da Lei Brasileira de Inclusão diz que dentre a população com deficiência, as pessoas idosas são consideradas especialmente vulneráveis. Então, existe a necessidade de formulação e aprimoramento de políticas públicas voltadas a esse público de forma articulada e intersetorial. E, é isso que o estado de SP faz com o GT Pessoa com Deficiência Adulta e Idosa”, afirmou a Secretária de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência, Célia Leão.

Segundo informações da Base de Dados dos Direitos da Pessoa com Deficiência, a população idosa com deficiência é referente a 43% do número total do estado de São Paulo. Criado em 1991, pela Organização das Nações Unidas (ONU), o Dia Internacional do Idoso é um marco para o debate sobre o envelhecimento e a conquista de direitos.

Conheça o Grupo de Trabalho

O GT é uma ação intersecretarial, das Secretarias de Estado dos Direitos da Pessoa com deficiência, de Saúde e de Desenvolvimento Social, tem por objetivo consolidar uma política pública voltada a melhoria da qualidade de vida das pessoas com deficiência adulta e idosas do Estado de São Paulo.

Fonte: Governo de SP





Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here