SSPDS certifica atendentes da Ciops com curso de teleatendimento em crise suicida

0


Ascom SSPDS – Texto e Fotos

A Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social do Estado do Ceará (SSPDS) realizou as certificações de 30 teleatendentes da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops), com o curso “Teleatendimento em Crise Suicida” ocorrido no mês de setembro. A solenidade ocorreu na sede da pasta na tarde dessa terça-feira (28).

Durante o curso, os profissionais da linha de frente foram capacitados para atuar em situações de ocorrências de comportamento suicida em ligações recebidas via Ciops. Com o treinamento, a SSPDS será a primeira do país com teleatendentes capacitados a receberem ligações de atentado à própria vida.

Para o secretário da Segurança Pública e Defesa Social, Sandro Caron, as capacitações serão permanentes com escutas qualificadas em busca de salvar vidas.

“O curso é uma qualificação para os teleatendentes da Ciops para procurarem identificar, durante as chamadas, situações que possam constituir uma crise suicida, e com todas as orientações repassadas, saberem como proceder e evitá-la. Essa é a primeira turma a participar da capacitação, que também acontecerá nas Ciops de Sobral e de Juazeiro do Norte”, explica.

Durante a solenidade, os teleatendentes receberam um botton e um certificado de participação no treinamento, que tem apoio da Darlim Saratt Mezomo, instituição reconhecida nacionalmente que atua no segmento da segurança pública da Plataforma QAP.

“Estou há quatro anos na Ciops, e com esse curso, a equipe está preparada para atender pessoas em situação de crise suicida e, desta forma, saber lidar durante o atendimento”, ressalta o teleatendente Davi Lima, que recebeu a certificação.

A solenidade contou com as participações do secretário executivo da Segurança Pública e Defesa Social, Samuel Elânio; do superintendente e professor doutor Helano Nogueira, da Superintendência de Pesquisa e Estratégia de Segurança Pública (Supesp); do assessor de apoio à Gestão Superior, tenente-coronel Cristiano Lins; do coordenador de Desenvolvimento de Pessoas, tenente-coronel Teógenes Coelho; do tenente-coronel Edir Paixão, do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE); da auxiliar administrativo do Núcleo de Qualidade de Vida da Cogep, Nathalya Oliveira; e da psicóloga Bruna Gadelha, da Assessoria Biopscicossocial (Abips) da SSPDS.

Sobre o curso

O treinamento ocorreu na modalidade presencial no último dia 22 de setembro, no auditório da Abips, na sede da SSPDS. O curso contou com o mestre em Saúde Pública e especialista em Segurança Pública, Direitos Humanos e Cidadania, tenente-coronel Edir Paixão, do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE), com a psiquiatra Karla Brandão; e com a psicóloga Bruna Gadelha, profissionais da Assessoria Biopscicossocial (Abips) da SSPDS. Com a capacitação, os atendentes irão atuar de maneira resolutiva nas ligações.

“Os teleatendentes passaram por avaliações teóricas, oficinas e simulados. Eles estão preparados para uma escuta ativa por meio do diálogo e em situações de crises realizar o acionamento das Forças de Segurança. Na Ciops teremos mais 70 atendentes qualificados nos próximos meses. Esse modelo do curso no Ceará acontecerá também em outros estados”, destacou o tenente-coronel Edir Paixão durante a solenidade.

Para o tenente-coronel Gilvan Freitas, supervisor do Núcleo de Teleatendimento da Ciops, a capacitação irá alcançar todos os atendentes nos próximos meses.

“Temos 195 teleatendentes em Fortaleza, e a previsão é de nos próximos meses realizarmos o mesmo curso com todos. Vamos contemplar também os profissionais dos municípios de Sobral e Juazeiro do Norte. Com essa qualificação, o foco da Coordenadoria será a escuta ativa por meio das técnicas ministradas no curso”, finaliza.

Setembro Amarelo

Durante todo o mês, a SSPDS promoveu a campanha “Setembro: é o ano todo” com rodas de conversas na primeira edição do “Café conViva – Diálogo como forma de cuidado”, além de treinamentos voltados aos profissionais das Forças de Segurança do Estado.

O foco das ações foram as doenças mentais, como a ansiedade e a depressão, como meio de prevenção ao suicídio. A programação tem como objetivo incentivar o cuidado com a saúde mental, buscando apoio psicológico. A campanha da pasta foi realizada com apoio da Coordenadoria de Gestão de Pessoas (Cogep), da Assessoria de Assistência Biopsicossocial (Abips), da Coordenadoria Integrada de Operações de Segurança (Ciops) e do Corpo de Bombeiros Militar do Estado do Ceará (CBMCE).

No mês de prevenção ao suicídio, a SSPDS encerrou a programação de setembro com a certificação dos teleatendentes da Ciops.





Source link

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here