More
    InicioDFMoradores debatem criação da região administrativa do Arapoanga

    Moradores debatem criação da região administrativa do Arapoanga


    Cerca de 230 pessoas participaram da audiência pública que debateu, neste sábado (7), a proposta de criação da região administrativa do Arapoanga. Alavancar o desenvolvimento econômico, gerar empregos, conseguir equipamentos públicos, atrair instituições financeiras, ter órgãos públicos, como delegacia e conselho tutelar, e melhorar a infraestrutura urbana estão entre as razões apontadas pelos participantes do encontro em favor da nova RA.

    “Este é o momento de saber se vocês que residem e trabalham aqui consideram ou não importante que o Arapoanga venha a ter uma administração regional”
    Valmir Lemos, secretário Executivo das Cidades

    Além de oportunizar a manifestação da população, a audiência pública, realizada pela Secretaria de Governo do DF com o apoio de 14 órgãos do Governo do Distrito Federal, teve o objetivo de assegurar transparência ao andamento do processo do GDF de se criar mais uma região administrativa.

    Arapoanga faz parte da região de Planaltina e tem aproximadamente 50 mil habitantes. De acordo com o secretário Executivo das Cidades, Valmir Lemos, a proposta de criar a região está sendo estudada pelo GDF como forma de integrar e harmonizar as ações e programas de governo com os interesses da comunidade local. A audiência faz parte do processo em andamento no Executivo.

    “Este é o momento de saber se vocês que residem e trabalham aqui consideram ou não importante que o Arapoanga venha a ter uma administração regional. O resultado dessa audiência servirá para instruir o processo junto com todas as informações técnicas já constantes e as que ainda serão produzidas, para finalizar e levar o estudo ao governador Ibaneis Rocha”, disse Lemos.

    Moradores do Arapoanga expuseram, durante a audiência, argumentos a favor e contra a criação da região administrativa | Foto: Divulgação/Segov

    Participação popular

    “Essa RA vem para desenvolver. Desenvolvimento na saúde, educação, segurança. Sou totalmente a favor, tem que ter crescimento com desenvolvimento”, manifestou-se a moradora Valquíria Maria da Cruz.

    Quem compartilha da opinião dela é Severino Rogério Rodrigues do Nascimento, líder comunitário e diretor da Associação Comercial e Industrial do Arapoanga (Aciara). Conhecido como Rogério Arapoanga, é morador há 25 anos da cidade e luta pela criação da região administrativa. “Sou favorável pela geração de emprego. Temos aproximadamente 400 comércios que geram imposto e renda. Nós acreditamos que vai crescer realmente porque através da região administrativa vem o desenvolvimento social e econômico. Vem a presença do Estado com mais saúde, educação, segurança e geração de emprego”, defendeu.

    Rogério também elogiou a iniciativa do governador Ibaneis Rocha de promover a audiência. “Este dia fica marcado na história do nosso povo”, afirmou.

    Para Laércio de Carvalho, ser uma região administrativa é uma forma de os governantes voltarem seus olhos para a localidade. Delegado da Polícia Civil, ele trabalhou por 12 anos na cidade e conhece bem a realidade da região. “É para uma RA que o governo destina seus recursos e investimentos. Hoje tudo é centralizado em Planaltina, e Arapoanga precisa ter a atenção do governo. Isto acontecerá quando ela se tornar uma região administrativa”, disse.

    O morador Bertoldo Matos é mais cauteloso quanto ao assunto. Ele disse que não é contra a criação, mas ponderou que a RA pode se tornar um apêndice da administração de Planaltina para usufruir de uma estrutura pública que não é suficiente para atender as duas cidades, caso Arapoanga seja criada. Segundo ele, deve-se melhorar o efetivo da segurança pública e dos equipamentos já existentes, como o hospital, por exemplo, de forma a melhor atender toda a comunidade.

    O administrador regional de Planaltina, Célio Rodrigues, fez um balanço muito positivo da consulta feita à população. “A audiência correspondeu à nossa expectativa, foi muito tranquila. Teve momentos de embate, mas foram de uma forma muito respeitosa. Eu creio que o nosso papel de realização da audiência foi cumprido”, afirmou.

    Após a conclusão dos estudos e pareceres dos órgãos do GDF, o processo será enviado ao governador, que decidirá sobre o encaminhamento de projeto de lei à Câmara Legislativa do Distrito Federal.

    Participaram da audiência o diretor Mobiliário da Companhia de Desenvolvimento Habitacional (Codhab), Marcos Palomo; representantes das secretarias de Desenvolvimento Urbano e Habitação; de Transporte e Mobilidade; de Segurança Pública; de Educação; da Companhia de Planejamento do DF (Codeplan); da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap); da Companhia de Saneamento Ambiental (Caesb); e os deputados distritais Hermeto e José Gomes.

    *Com informações da Secretaria de Governo

    The post Moradores debatem criação da região administrativa do Arapoanga appeared first on Agência Brasília.

    Source link



    Source link

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Please enter your comment!
    Please enter your name here

    NOTÍCIAS EM DIA

    spot_img